Entrevistas

PUB.

O jogador da AD Fundão, natural de Mogadouro, passou a quarentena na terra natal e, em entrevista ao Nordeste, avançou que há convites para jogar no estrangeiro e também para continuar no emblema das Beiras.

O jogador, natural de São Pedro Velho no concelho de Mirandela, já iniciou a fase de recuperação após cirurgia aos ligamentos cruzados.

Bruno Faria há cerca de um ano que entrou no universo das corridas de obstáculos e é um dos dez embaixadores Spartan Race em Portugal. A viver em Inglaterra, o brigantino, de 40 anos, prepara-se para participar no Campeonato do Mundo, na Grécia.

 

A Covid-19 paralisou o desporto. No ténis de mesa, o CTM Mirandela preparava-se para jogar a final do play-off do Campeonato Nacional da 1ª Divisão feminina e não sabe quando a prova vai ser retomada. Isidro Borges, presidente do clube, prevê dificuldades, mas não baixa os braços.

Rui Borges já inscreveu o seu nome na história do Académico de Viseu. O técnico, de 38 anos, natural de Mirandela, treina o emblema da 2ª Liga há pouco mais de um ano e conseguiu o feito inédito de levar os “Viriatos” às meias-finais da Taça de Portugal, onde foi eliminado pelo F.C.

Em entrevista ao Nordeste, João Pinho, guarda-redes do Grupo Desportivo de Bragança, confessou que se sentiu enganado por Milton Roque tal como o restante grupo.

Nelson Rogério tem 42 anos e é segurança privado há 22. Está em Bragança há 14 anos, mas é natural da Nazaré. É segurança coordenador, porteiro, vigilante e, neste momento, está a tirar o curso de Gestão e Direcção de Segurança Privada, para completar a carreira. 

Rui Borges vai defrontar o F.C. Porto nas meias-finais da Taça de Portugal no comando técnico do Académico de Viseu, actual sexto classificado da 2ª Liga.

André David já trabalha no Grupo Desportivo de Bragança, depois de ter rescindido, esta terça-feira com o S.C. Vila Real. O treinador, que sucede a Frederico Ricardo, está de regresso a uma casa que bem conhece e onde foi “feliz”, como fez questão de frisar em entrevista ao Nordeste.

Eduardo Gonçalves está há três anos na China. O treinador de futebol, natural de Bragança, integra actualmente a academia do Guangzhou, depois de ter passado pelo F.C. Joy Soccer Shenzhen. O técnico mostra-se já completamente adaptado à cultura e ao meio futebolístico da Ásia Oriental.