Opinião

PUB.
12/10/2021

Todos os domingos ia a Rebordainhos, uma pequena aldeia no Distrito de Bragança, visitar o meu avô paterno, César Ramos (ou Tio César para os mais próximos).

12/10/2021

É por demais sabido que o Sistema Democrático (liberal e representativo, em que o princípio um homem um voto, a separação de poderes e a representatividade das diferentes ideologias são práctica e são lei) não se esgota num único Regime político.

12/10/2021

A terceira dose da vacina contra a Covid19 é já uma realidade, pelo menos para uma parte da população portuguesa. Ainda bem. Há de chegar aos restantes.

06/10/2021

Quantos de nós já assinámos contratos sem ler as letras pequeninas? Na verdade, sabemos que a informação esta lá, mas raramente a lemos.

06/10/2021

Bem sei, o PS ganhou as eleições autárquicas, no entanto, apesar dos esforços da agora menos arrogante Nomenklatura cor-de-rosa em disfarçar o engulho a atrofiar a farronca do Ali Babá (António Costa) de bazuca em punho a prometer sol na eira e chuva no nabal em simultâneo, leite e mel aos autarc

06/10/2021

Há uma canção cantada no Nordeste brasileiro que refere a necessidade de seguir em frente. Seguir com a “boiada” atravessando os perigos vários que os “condutores” teriam que atravessar.

06/10/2021

O tempo que tudo traz e tudo leva, esse grande construtor, como alguém afirmou, vai-nos avivando a memória, recordando pessoas, coisas, acontecimentos que vão marcando a nossa existência.

28/09/2021

Recentemente, no tampo da minha secretária, estava um pedido de autorização para a aquisição de um sofisticado software para o aumento de capacidade de processamento do equipamento instalado no Laboratório de “Machine Learning” da Fundação Champalimaud.

28/09/2021

A definição mais justa de negacionismo encontrei- -a no Diccionario de la Lengua Española, da Real Academia Española, que reza assim: Actitud que consiste en la negación de determinadas realidades y hechos históricos o naturales relevantes, especialmente el Holocausto.

28/09/2021

Os Reis Portugueses têm todos um cognome. Acho que é assim, ou era, em todos os Países com Realeza. Cognome é a palavra síntese que caracteriza o homem ou a sua obra. Curioso não acontecer aos Presidentes das Repúblicas este escrutínio que desemboca num epíteto.