PUB.

Conselho de Disciplina da AFB aplica castigo de três anos a Hugo Pires e Nuno Melo

Dom, 09/06/2019 - 00:06


Hugo Pires e Nuno Melo, jogadores do CASC Freixo, vão ficar três anos sem jogar futsal. Hugo Pires pela agressão ao árbitro Vítor Fernandes e Nuno Melo a um agente da PSP.

Estes foram os castigos aplicados pelo Conselho de Disciplina da A.F. Bragança na sequência dos incidentes registados no quinto jogo da final do play-off do Campeonato Distrital de Futsal entre os Pioneiros de Bragança e o CASC Freixo, realizado no dia 31 de Maio.

Quanto ao guarda-redes dos freixenistas, Paulo Ferreira, e Fábio Fileno foi-lhes aplicado o castigo de um ano de suspensão pela tentativa de agressão a um elemento da PSP.

Já João Nascimento, expulso no encontro, vai cumprir dez jogos de castigo disciplinar.

O clube também foi penalizado com uma multa de 220 euros e três jogos à porta fechada pela não conclusão do encontro da final do play-off, recordamos que a partida terminou aos 30 minutos.

Entretanto, o Conselho de Disciplina abriu um inquérito aos dois clubes para averiguar os incidentes registados nas bancadas do Pavilhão Arnaldo Pereira.

Às duas equipas foi ainda aplicada uma multa pelo não cumprimento no início do jogo.